2008-02-12

Comunicar. Também em Saúde Ambiental


Na sequência do comentário de Rui, TSA, sobre o SeminárioComunicação em Saúde Ambiental” – por lapso publicado no post seguinte, “Rio Tejo, versão de Inverno” –, nós, conforme informámos noutro comentário, decidimos “questionar a entidade organizadora sobre a ausência dos TSA nos destinatários do Seminário” e assumimos que “Se obtivermos uma resposta – admitimos que sim, porque se trata de comunicar em saúde ambiental (...)" a divulgaríamos.

Em resposta ao nosso e-mail, de 02/11/2008 06:08PM,

"Exmos. Senhores ,

Um leitor do JSA publicou, no Post que editámos para divulgar a realização do Seminário , o seguinte comentário:

" Se os Técnicos de Saúde Ambiental, não são destinatários??? Para que é que isto me interessa??? Mais uma vez esquecidos... Porque não enviar um protesto dos TSA, e boicotar a presença caso não sejam alterados os destinatários, em vez de promover uma acção que pelos vistos não nos diz respeito... ".

Para esclarecimento daquele e dos outros leitores do JSA , agradecemos a V. Exas. que nos informem se a não inclusão dos TSA nos destinatários do Seminário foi acidental ou se deve de facto a desconhecimento da profissão de Técnico de Saúde Ambiental e das suas atribuições e competências.

Com os melhores cumprimentos,
Duarte d'Oliveira, TSA
..............................
Colabore connosco na protecção do ambiente. Imprima apenas se for imprescindível"


recebemos a seguinte resposta (e-mail de 12/02/2008 09:52):

"Exmo. Senhor
Dr. Duarte d'Oliveira

Conforme o seu pedido por e-mail, junto envio em anexo o boletim de inscrição e o cartaz informativo sobre o Seminário de Comunicação e Saúde Ambiental.

Com os melhores cumprimentos, "

Admitimos que não seja assim que se faz Comunicação em Saúde Ambiental. Mas talvez nós estejamos errados…
...................................

Ilustração: Fotografia recolhida em handicap13.fr

1 comentário:

Rui disse...

Caro colega Duarte d'Oliveira, provavelmente nós é que estamos enganados....será?
Mas não vamos desistir...vamos continuar a lutar pelo reconhecimento que merecemos e devemos ter...

Um abraço